Faturamento da companhia aumenta 17,5%, conquistando 69 novos clientes no exterior, resultado da expansão das unidades próprias e novas parcerias internacionais

A companhia fechou 2017 com 166 novos clientes, sendo 69 do exterior, um crescimento de 53% no número de novas contas no exterior em relação ao ano anterior. Entre eles, estão a unidade da japonesa Yorozu Automotive nos Estados Unidos, a operação colombiana da Pfizer, a fabricante de software ArisGlobal na Índia, a operação da polonesa Selena na Espanha, a Veolia Water Technologies no Canada, a fornecedora de peças automotivas Penne na Bélgica, e a Teknorot, na Turquia, maior fabricante europeu de peças de suspensão e direção para automóveis de passageiros. No Brasil, destacam-se clientes como Cacau Show, Electrolux, Vivara, Via Varejo e Engie Brasil.

Frente a um ano de cenário político-econômico brasileiro instável, o CEO da companhia, Ricardo Lepper, considera satisfatório o crescimento no faturamento de 17,5% em 2017. Ele salienta a estratégia de expansão da SoftExpert no exterior e o aumento da capilaridade da empresa com parcerias internacionais, diversificando a carteira de clientes, como o alicerce da preservação do crescimento acima da realidade nacional.

"A expertise que alcançamos atendendo a multinacionais dos mais diversos segmentos em mais de trinta países, nos levou, nos últimos 5 anos, a um crescimento orgânico médio das exportações da ordem de 30% ao ano. Vamos acelerar este processo de expansão das operações no exterior, com foco em mercados como Europa, Ásia e Estados Unidos, além dos países que formam o G20", detalha Lepper.

EXPANSÃO INTERNACIONAL

A companhia abriu um escritório nos Estados Unidos com ênfase no desenvolvimento de alianças estratégicas e contas globais de origem americana, e também no México, fechando o primeiro ano de sua unidade local com oito novas contas conquistadas. Destaque para a Coppel, uma das maiores redes de lojas de departamento da América Latina, e a Prodemex, uma das empresas líderes do setor de construção e infraestrutura no México.

Foram firmadas também parcerias distribuídas em diversos nichos de mercado, sendo 24 internacionais e oito parcerias estratégicas. Destaque para as unidades e distribuidoras Ricoh em vários países da América do Sul, incluindo Brasil, República Dominicana, Chile, Paraguai e Uruguai. A Ricoh Colômbia, parceira desde 2016, por exemplo, conquistou oito novas contas em 2017. A Baker Tilly, empresa global com forte atuação nos segmentos de compliance e governança corporativa, também firmou aliança com a SoftExpert para incremento de negócios nas unidades do México, Colômbia, República Dominicana e Chile.

"O Brasil representa menos de 3% da economia mundial. Portanto, nossos principais investimentos e estratégias de crescimento 'made in Brazil' seguirão direcionados para o exterior cujo mercado consumidor oferece muito mais oportunidades para crescimento em larga escala", finaliza Lepper.