Uma em cada cinco transações no Brasil é tokenizada, aponta Visa

Uma em cada cinco transações no Brasil é tokenizada, aponta Visa

A tokenização será fundamental para possibilitar a próxima revolução dos pagamentos. O uso da tecnologia já é uma realidade crescente no Brasil. De acordo com a Visa, em janeiro de 2023, no país, o número de transações tokenizadas duplicou em relação ao mesmo período do ano anterior, representando mais de 20% de todas as transações com credenciais Visa no mundo online. O estudo ainda indica que em média, a cada cinco transações online utilizando credenciais Visa, duas são tokenizadas.

A Visa ainda aponta que a quantidade de fraudes em transações tokenizadas no e-commerce é extremamente baixa, chegando a ser 4x menor que as demais operações realizadas em compras virtuais. A tecnologia opera substituindo os dados da credencial do portador do cartão, como o número de conta e a data de validade, por um identificador digital único (um "token") capaz de fazer transações sem expor informações sensíveis de uma conta. Além disso, cada transação gera um código único chamado de criptograma. Se um criminoso capturar este token sem gerar o criptograma, não conseguirá utilizá-lo em transações.

A líder mundial de pagamentos ainda registrou que foram emitidos mais de 4 bilhões de tokens em todo o mundo por meio do Visa Token Service (VTS), superando o total de cartões físicos Visa em circulação no mundo. Além disso, a taxa de aprovação aumentou 10 pontos porcentuais quando a transação é tokenizada.

Propondo uma maior segurança pelos tokens a estabelecimentos comerciais, emissores e consumidores, o Visa Token Service, uma das soluções da Visa, vem com funcionalidades importantes, que operam nos bastidores fornecendo um novo nível de segurança. Esta camada adicional de proteção pode ser restrita a um tipo de transação, estabelecimento comercial ou dispositivos específicos, dificultando a atuação de fraudadores e hackers. A Visa também utiliza o Visa Cloud Token, sua solução de tokenização, nos pagamentos via WhatsApp, protegendo e removendo informações confidenciais, convertendo os dados em tokens e armazenando-os com segurança na nuvem.

Do lado do varejista, a Visa oferece o Token Management Service para comerciantes. Quando esse serviço é usado, as informações de pagamento são armazenadas em datas centers seguros da Visa. Isso fornece benefícios diretos para os estabelecimentos comerciais, reduzindo os custos ligados ao cumprimento de normas e regulamentos, e as ameaças de segurança que acompanham o armazenamento de dados confidenciais em suas redes.

“Sabemos a importância que a segurança tem na hora de fazer compras. E vemos que os consumidores vêm adotando cada vez mais essa tecnologia inovadora no seu dia a dia. Esta camada extra de proteção da transação proporciona um nível elevado de segurança tanto para o consumidor quanto para o comerciante antes, durante e após toda a transação. Ou seja, ao mesmo tempo em que reduz o risco de fraude, a tokenização proporciona experiências de pagamento digital melhores e sem atritos, pois facilita o processo de compra.” afirma Leandro Garcia, diretor executivo de Soluções da Visa do Brasil.

“A tokenização aos poucos vem se tornando a peça-chave para o ecossistema digital, agindo como os grandes propulsores da próxima revolução digital no setor de pagamentos, a internet das coisas, que está por vir.” complementa o executivo.

A Visa trabalha continuamente para que seu ecossistema de rede das redes seja o motor de um comércio mais seguro, resiliente e confiável. A empresa identifica e investe em novas funcionalidades, trabalha com clientes para ajudar a proteger o ambiente do ecossistema e toma medidas para melhorar a segurança, a integridade e a resiliência de sua rede. Em 2021, as ferramentas de inteligência artificial da rede evitaram a perda de US$ 26 bilhões com fraudes*. Além disso, a companhia investiu mais de US$ 9 bilhões nos últimos cinco anos para combater o cibercrimes: hoje são mais de 1 mil profissionais dedicados ao monitoramento constante do ecossistema de pagamentos digitais.

*fonte Visa Inc.

Share This Post

Post Comment