ChatGPT: Um futuro amigo ou inimigo?

ChatGPT: Um futuro amigo ou inimigo?

Por Adam Philpott, Diretor de Receita da Trellix

Hoje em dia, parece que você não pode ir a uma reunião no local de trabalho, reunião social ou evento familiar sem que o ChatGPT apareça na conversa. Para os não iniciados, o ChatGPT é basicamente um Chatbot que usa inteligência artificial para responder a perguntas ou solicitações em texto humano. Em seguida, você pode refinar ainda mais esses resultados fazendo mais perguntas. É como se você estivesse conversando com outra pessoa – alguém que pode pegar suas ideias complexas e dar vida a elas.

Muitas pessoas o usaram para tornar suas vidas digitais mais eficientes, ajudando a gerar texto para um e-mail, postagem de blog, postagens sociais etc. Outros usaram o ChatGPT para despertar alguma criatividade, até mesmo pedindo para escrever músicas, planejar festas de aniversário para crianças, escrever um roteiro de filme e muito mais. Embora os resultados tenham sido mistos, há um enorme potencial, especialmente porque seus criadores o adaptam e o refinam.

Com a nova tecnologia, uma pergunta natural acabará surgindo: “e se o ChatGPT pudesse ser usado para algo sinistro? Como criar e-mail de phishing, ransomware ou até mesmo malware?”. Essa é uma possibilidade. No entanto, deixe-me esclarecer uma coisa: o ChatGPT em si não é malicioso. Porém, ele potencialmente facilita a criação de códigos maliciosos e comunicações bem formuladas. Vários artigos, como este no ComputerWeekly.com, já foram escritos especificamente abordando esse tópico

Contudo, no mesmo artigo, Steve Povolny, engenheiro principal e diretor da Trellix, discutiu que o ChatGPT também poderia ajudar na segurança cibernética, desenvolvendo código, etapas, investigações guiadas e planos que podem ajudar a combater essas ameaças. As organizações podem incorporá-lo em seu arsenal defensivo para manter, ainda mais, seus colaboradores e dados seguros.

Na Trellix, nossa equipe no Centro de Pesquisa Avançada analisa constantemente as ameaças, tendências e tecnologias mais recentes e apresenta suas descobertas em vários relatórios. O ChatGPT é outra tecnologia que estão investigando e, em breve, compartilharão orientações

Enquanto isso, o que você pode fazer para se sentir seguro? A arquitetura viva de XDR é fundamental, pois se adapta na velocidade dos agentes de ameaças e fornece inteligência avançada sobre ameaças cibernéticas. Outras soluções de segurança da Trellix, como segurança de endpoint, prevenção contra perda de dados, detecção e resposta de rede e segurança de e-mail, são importantes para manter as organizações protegidas.

Mais uma coisa interessante a ser mencionada sobre o ChatGPT é sua capacidade de pegar conceitos difíceis e explicá-los em termos simples. Isso é extremamente benéfico para nós em segurança cibernética, uma indústria atormentada por termos complexos, um ciclo interminável de acrônimos e uma grande lacuna de talentos (a ISC2 estima que a lacuna seja de 3,4 milhões de pessoas

Indivíduos interessados podem pedir ao ChatGPT para explicar vários conceitos de segurança cibernética, como XDR, NDR, inteligência de ameaças e muito mais para obter uma melhor compreensão

Não importa a experiência ou histórico de alguém, a segurança cibernética pode ser uma carreira significativa e nobre. Será interessante ver como essa nova tecnologia se desenvolve para tornar nossas vidas mais fáceis, mais eficientes, mais criativas e potencialmente mais seguras.

Share This Post

Post Comment