A cidade de Manaus vive sua maior crise por falta de mão de obra especializada em desenvolvimento de aplicativos Mobile e esta não é uma característica isolada da região. Segundo pesquisa da consultoria IDC, em 2013 o mercado de tecnologia da informação teve previsão de gerar no Brasil 280 mil novas vagas de emprego. Entretanto, mais de 76 mil permaneceram abertas, por falta de profissionais qualificados.large-capacitacao-e-qualificacao-de-professores

Para atender esta demanda em Manaus, cidade sede dos jogos da Copa do Mundo, o iTriad, Instituto Triad de Pesquisa e Desenvolvimento, passa a oferecer cursos para desenvolvedores Java e Android com foco em aplicativos mobile e games. Os cursos têm carga horária que variam entre 16 e 32 horas, podem ser realizados in company ou na sede do Instituto e para participar o profissional precisa ter apenas conhecimentos de Java.

Segundo Sergio Junqueira, diretor do iTriad, a carência atual de mão de obra especializada em desenvolvimento de apps mobile causa um impacto direto na geração de novos produtos. “Podemos dizer que a cidade de Manaus não tem profissionais especializados disponíveis e todo e qualquer projeto voltado para o período dos jogos da Copa será impactado por falta de mão de obra”.

O Instituto que incentiva a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico na Amazônia Ocidental, possui programas e parcerias com empresas para suprir carências de profissionais qualificados no mercado local. "Encontrar mão de obra especializada é um grande desafio", relata Junqueira. O executivo coloca a escassez de profissionais entre as maiores dificuldades encontradas por quem deseja empreender neste setor.

“Por isso criamos uma agenda especial, com conteúdo programático totalmente voltado para atender a demanda da Copa do Mundo. São cursos rápidos que geram ao aluno a possibilidade de ser contratado imediatamente, pelo próprio iTriad ou pelas empresas locais de desenvolvimento”, explica Sergio.

Mais informações sobre os cursos, datas, conteúdo programático e valores podem ser obtidas pelo telefone (92) 3234-3118 ou pelo e-mail info_itriad@itriad.org.br.