Se o ano passado foi marcado pela consolidação do marketing digital, principalmente do mobile marketing, chegando a movimentar mais de US$ 3 bilhões por ano no Brasil, segundo dados divulgados pela AppsFlyer; 2019 promete não só manter e até incrementar essa curva de crescimento, como também promover grandes novidades no setor. Mais aplicações de Inteligência Artificial e de Mobile Vídeo estão entre elas, segundo estudo desenvolvido pelo adtech alemã Applift, que tem no Brasil sua operação de maior relevância na América Latina.

Embora no ano passado tenham sido realizados 194 bilhões de downloads de apps no mundo, um crescimento de 65% em relação à 2016, segundo o último relatório do portal App Annie, que monitora esse universo, o engajamento e a retenção do usuário se mostram cada vez mais desafiadores para os desenvolvedores e para as marcas. “Cada vez mais, os anunciantes passarão a buscar por soluções de aquisição e retenção de usuários mobile que tenham um approach holístico de todo o funil de conversão, desde o primeiro impacto de mídia até o retargeting para promover maior engajamento e aumento de transações”, afirma Marcus Imaizumi, head das operações da Applift na América Latina.

“Entre as principais tendências identificadas em mobile marketing no Brasil estão o aumento da aplicação em formato de vídeos, maior uso da IA e rigor na segurança”, complementa Imaizumi. 

Mobile Vídeo

Trata-se de um dos formatos de anúncio mais promissores para 2019, dado seu alto impacto e taxa de conversão. Um fato, em específico, contribui fortemente para isso: cada vez mais os smartphones se tornam a primeira tela, o que aumenta ainda mais a chance de as marcas conseguirem captar a atenção dos clientes via vídeo. Soma-se a isso a vantagem, por exemplo, de ter a plataforma mobile como aliada para conseguir redirecionar de forma imediata o usuário para um site ou app, aumentando assim as chances de conversão.

Anúncios mais curtos e imersivos

Para tirar proveito da onda do mobile vídeo, a recomendação é que os anunciantes sigam algumas características, que devem prevalecer esse ano. Além de adotar o formato de anúncios curtos – entre 16 e 20 segundos – pois comprovadamente eles proporcionam melhores taxas de conversão, as peças devem ser exibidas de maneira imersiva e em formato vertical, garantindo assim mais aderência na visualização.

Retargeting dinâmico

Pesquisas mostram que a cada 30 dias, um app perde cerca de 90% da base que acabou de criar de usuários. Uma das alternativas para evitar essa perda de usuários é o chamado retargeting dinâmico, que consiste em campanhas cujas segmentações acontecem em tempo real e se ajustam conforme as atividades de cada usuário aconteçam. Esse tipo de mecanismo encontra pessoas com perfis mais interessantes e com maior potencial de se tornarem usuários ativos.

Inteligência Artificial

Assim como em empresas e indústrias de vários ramos, a Inteligência Artificial também começou a ser parte integrante na plataforma de mobile marketing. Introduzida neste mercado a partir do ano passado, em 2019 tende a ter seu status de importância promovido e estar cada vez mais na agenda do profissional de publicidade móvel. A Inteligência Artificial vai permitir uma abordagem cada vez mais personalizada – e aqui não se trata de personalização por grupos, mas sim por indivíduos, algo jamais visto nesta área. Ou seja, por meio da identificação de comportamentos e preferências de cada um dos seus clientes usuários, o sistema de IA terá plena capacidade de reconhecer e recolher dados em campos como psicológico, demográfico e até mesmo, comportamental. “Estas informações serão fundamentais no momento de elaborar uma estratégia de marketing tendo em vista estimular ações específicas para cada cliente e em tempo real, na medida em que a ferramenta vai coletar e passar ao profissional de marketing qual é exatamente o desejo daquele usuário, na sua mais profunda peculiaridade. Um tiro certeiro”.

Criptografia no lugar do login e senha

Aumentar a segurança, sem abrir mão da praticidade. Essa é uma das grandes vertentes que devem direcionar o mercado em 2019 e cabe aos anunciantes adaptarem suas campanhas aos novos padrões. O Google, através da Play Store Services, por exemplo, já anunciou que deverá liberar novos recursos de autenticação, permitindo que desenvolvedores implementem nos seus produtos padrões de login através de biometria e padrões de desbloqueio do sistema de código aberto.

Website: https://applift.com/pt-br

Fonte: DINO, Divulgador de Notícias