Fintech disponibiliza solução com assinatura eletrônica de reconhecimento facial

Fintech disponibiliza solução com assinatura eletrônica de reconhecimento facial

Com a aceleração da transformação digital das empresas, desde a pandemia da covid-19, o mercado de assinaturas digitais deve atingir US$20,4 bilhões até 2027, tendo o crescimento de 31,4% em sete anos - segundo estudo da Global Industry Analysts, publicado em janeiro. Sempre atenta às movimentações do mercado, a QI Tech, fintech que oferece soluções de banking as a service, lending as a service e prevenção a fraude, lança o QI Sign, serviço de assinatura eletrônica com reconhecimento facial.

Gabriel Scherer, sócio da QI Tech, destaca o quão importante é a entrada de assinaturas digitais para a segurança do cliente. “A solução serve para reforçar o posicionamento de one-stop-shop (empresa que oferece múltiplos produtos ou serviços) para a infraestrutura bancária, financeira, de crédito e agora jurídica das empresas”.

A solução é responsável por automatizar e digitalizar o processo de assinatura do cliente, adicionando camadas extras de segurança, como por exemplo: validação de documento oficial, geolocalização e validação de dispositivos suspeitos no momento da assinatura. Além disso, a ferramenta traz validade jurídica aos documentos - inclusive os que necessitam de prova de vida, como os regidos pela normativa 138 do INSS.

"Sabemos quanto o mercado está disruptivo e cada vez mais inovador. Nossos clientes, inclusive, já solicitaram essa solução. Além disso, a expectativa de crescimento desse mercado se dá pelo grande número de pessoas (físicas ou jurídicas) que passaram a utilizar assinatura eletrônica ou um certificado digital, tudo de forma online e prática”, pontua Scherer.

De forma prática, todo o fluxo da assinatura é digital, com envio e confirmação por e-mail, SMS e até WhatsApp. O produto é personalizável e também pode ser consumido em larga escala via API - e o cliente ainda tem acesso a um dossiê completo com os dados da operação.

Para mais informações sobre a ferramenta, acesse o site da QI Tech.

Share This Post

Post Comment