Confira indicativos de que o eletrônico está desatualizado

Ficar atento à vida útil dos aparelhos eletrônicos pode prevenir muitas dores de cabeça e evitar imprevistos. Com a tecnologia cada vez mais presente nas atividades cotidianas, ter um celular em mãos se tornou quase obrigatório, colaborando para deixar a comunicação mais dinâmica e permitindo o acesso a arquivos e documentos importantes com poucos cliques. Infelizmente, os eletrônicos têm um tempo de vida máximo, e, por meio de alguns sinais, é possível perceber que está na hora de trocar de aparelho.

Um dos principais indicativos de que o aparelho está obsoleto é a impossibilidade de atualizar o sistema operacional, que pode ser Android, iOS, Windows Phone e outros. O sistema operacional é o nome dado ao conjunto de programas que têm a função de gerenciar os recursos do sistema, armazenar informações e garantir que todos os aplicativos funcionarão adequadamente. O avanço do sistema operacional é o que tem permitido que os celulares fiquem cada vez mais semelhantes aos computadores, e a impossibilidade de atualizar a versão pode causar vários problemas a longo prazo.

Um sistema desatualizado apresenta brechas de segurança graves, além de aumentar a chance de problemas no funcionamento de processos gerais, como assistir a vídeos ou abrir documentos. Além disso, é comum que muitos aplicativos parem de funcionar por não serem mais compatíveis com a versão antiga do sistema operacional, que não suporta as ações necessárias.

Outro sinal é a queda de desempenho do aparelho, com a bateria durando cada vez menos, o que diminui as horas de uso entre as cargas. Travamentos constantes e lentidão para realizar atividades simples, como navegar em redes sociais, é mais um sinal da necessidade de substituição, assim como o superaquecimento constante, sem que o celular tenha ficado exposto a altas temperaturas.

Isoladamente, pode ser que o problema em questão não seja sinal para se preocupar, mas, caso diferentes falhas aconteçam simultaneamente, prejudicando o uso do aparelho no dia a dia, pode ser a hora de começar a procurar um novo modelo e efetuar a troca, diminuindo as chances de que o celular antigo para de funcionar subitamente em um momento importante.

Hoje em dia, é difícil encontrar bons aparelhos celulares com baixo preço. Assim, logo após adquirir o eletrônico, é importante tomar algumas medidas para garantir que ele funcionará bem até o fim, aproveitando ao máximo o custo-benefício da compra. O primeiro passo é adquirir uma capinha protetora e uma película de proteção para a tela, protegendo o celular de quedas e  arranhões. A seguir, é essencial contratar um serviço de seguro celular, para ficar assegurado de furtos, roubos ou até mesmo acidentes domésticos, como descuido com líquidos.