A Most empresa especializada  no desenvolvimento de projetos de captura e desmaterialização  na área de soluções para Gestão e Tratamento de Imagens,  e representante exclusiva no Brasil  das soluções da empresa francesa Athic, especializada em soluções de captura para o mercado financeiro, está ampliando seu portfólio de soluções com dois novos lançamentos.

A  Smartcase foi a novidade tecnológica  apresentada pela MOST ainda durante a realização do CIAB 2013. Trata-se de um kit no fomato de uma maleta  cuja ferramentas  se integram  á solução Starthic de captura inteligente de multi documentos, proporcionando mobilidade, segurança, eficiência e agilidade para serviços diversos a serem realizados em campo, como abertura de contas, cadastro de informações, verificação de documentos, contratação de serviços e produtos.

O kit dispõe de um scanner digital SignPad,  para captura de assinatura 3D, equipamentos de captura biométricas e um  tablet de última geração. Assim  a  SmartCase faz com que cada kit transforme-se   em uma agência externa de atendimento, ampliando o mercado de atuação de seus usuários e aumentando as oportunidades de negócio junto aos seus clientes.

O principal objetivo deste lançamento é oferecer  o conceito de mobilidade aplicada ao setor financeiro, cada  Kit (maleta) é composto por equipamentos, sistemas, link de comunicação e alimentação de energia independente, que permite realizar a captura de dados de clientes e a contratação de produtos e serviços no campo, com total integração com os sistemas legados das empresas dos setores financeiros e de seguros.

 

“Com esta pequena pasta, um gerente/operador poderá realizar, em qualquer local em que esteja, operações que dependam da formalização de contratos, fornecimento de documentos, coleta de assinatura e biometria, enviando e recebendo dos sistemas de retaguarda do banco, todas as consistências necessárias para atividades como abertura de contas, venda de cartões de crédito, contratos de empréstimos, entre outros”, explica o Diretor da Most, Jean Michel Guillaume.

Com o software gerenciador das operações de captura instalado no tablet, todos os documentos relacionados com a realização da operação podem ter suas imagens capturadas. No dispositivo de biometria será realizada a coleta das características biométricas do cliente, permitindo que toda a documentação capturada já nasça com as características e validade de documentos digitais, sem a necessidade de sua existência física na forma em papel.

No dispositivo de coleta de assinatura, será realizada a coleta da assinatura do cliente. Este dispositivo faz o registro das assinaturas capturadas de forma tridimensional, pois registra a sequência dos movimentos de construção das assinaturas e também a pressão exercida pelo cliente em todo o processo de sua grafia. Isto confere alto grau de segurança ao processo, eliminando a possibilidades de fraudes.

 

Como o Tablet possui recurso 3G, todos as informações por eles manipuladas poderão sensibilizar os sistemas centralizados do banco, como se todo o processo estivesse sendo realizado dentro da própria agência bancária.

 

“Com este kit e os aplicativos nele embarcados, podemos levar a estrutura de captura, até então existente somente nas agências, até os locais onde estão ocorrendo os grandes negócios, com agilidade, conforto e segurança, abrindo uma nova fronteira de possibilidades e obtenção de resultados.”, reforça o executivo da empresa

 

 

RDC Móvel-  a Captura Remota de Depósito

 

O outro lançamento da Most é o RDC - Remote Deposit Capture –  uma solução para o processamento de cheques por imagem, que segue na esteira da evolução tecnológica do uso de imagem pelos Bancos, possibilitando o processamento e compensação de cheques por imagem. A empresa está  trazendo para o Brasil a solução por meio de sua representada a Athic, e é um grande sucesso na Europa

“Este produto possui a tecnologia necessária que vai de encontro aos anseios dos bancos em promover a ampliação de oferta de serviços a seus clientes, com a redução do uso e circulação de papéis, mantendo controle e segurança nas operações, e trazendo benefícios a todos os clientes, sejam eles Pessoa Física ou Jurídica”, salienta Guillaume da Most.

A solução de RDC  tem aplicações especificas para todos os perfis de usuários finais ou seja, para os grandes, pequenos e médios usuários de serviços de depósito de cheques.

Para os grandes usuários, assim chamados aqueles que demandam operações acima de 300 depósitos em cheque por mês, a solução de RDC é composta do seguinte:

  • Solução de captura On-Line ou Off-Line
  • Uma estação de trabalho Windows
  • Um scanner CMC-7 de grande capacidade e com leitura CMC-7 magnética
  • Um módulo de captura com solução de OCR/ICR local
  • Módulo de controle de qualidade de imagem local – CHECK 21
  • Arquitetura Client que pode trabalhar On-Line ou Off-line
  • Software para envio / transmissão de dados com segurança
  • Módulo de controle de término de processamento
  • Aplicação web para consulta

Para os médios usuários, ou seja, aqueles que demandam operações acima de 40, mas ainda inferiores a 300 depósitos em cheque por mês ( de 2 a 15 cheques por dia), a solução de RDC uma outra composição, a saber:

  • Solução de captura On-Line
  • Uma estação de trabalho Windows
  • Um scanner CMC-7 de pequena capacidade e com leitura CMC-7 magnética
  • Módulo de captura com solução de OCR/ICR l remoto
  • Módulo de controle de qualidade de imagem local – CHECK 21
  • Software para envio / transmissão de dados com segurança
  • Módulo de controle de término de processamento
  • Aplicação web para consulta

 

Já para os pequenos usuários, que depositam em média 2 cheques por dia (40 cheques por mês), a solução de RDC passa a ser móvel, sendo é composta do seguinte:

  • Um SmartPhone de plataforma iOS, Android ou Windows
  • Um módulo de captura com solução de OCR/ICR l remoto
  • Módulo de controle de qualidade de imagem local – CHECK 21
  • Arquitetura Client trabalhando em modo Off-Line
  • Software para envio / transmissão de dados com segurança
  • Módulo de controle de término de processamento
  • Aplicação web para consulta

 

Conforme reforça o executivo da Most: “Ao transportarmos esta funcionalidade para dentro de dispositivos móveis (SmartPhones), estamos dando enorme capilaridade de acesso a este recurso tecnológico, o que certamente terá um impacto extremamente positivo na ampliação do uso e da adoção da captura remota de depósitos, pois trará para dentro deste mercado aqueles clientes cujo volume de depósitos não  demanda o uso de scanners para atendimento de suas necessidades, e que até este momento estavam fora  deste universo de atendimento e prestação de serviços bancários”, diz.

Por meio da solução qualquer correntista que possuir um SmarthPhone com o software RDC móvel embarcado, e o cadastramento do serviço junto ao seu banco poderá, através da simples operação de tirar uma foto do cheque com a câmera do Smartphone e a inserção de algumas poucas informações, realizar a captura de todos os dados do seu depósito e encaminhá-los, por meio de um ambiente seguro,  para a sua efetivação no banco, gerando conforto e segurança aos usuários desse serviço, reduzindo os prazos e custos envolvidos com os meios de pagamento.