Automação: fator fundamental para fortalecer o relacionamento da indústria com o consumidor final

Automação: fator fundamental para fortalecer o relacionamento da indústria com o consumidor final

Marcel Alessi Soccol, diretor da DATAFRETE, empresa especializada em tecnologia para gerenciamento da logística em indústrias, e-commerces e marketplaces

A ascensão rápida do e-commerce no mercado global tem proporcionado uma revolução não apenas na maneira como compramos, mas também na forma como as indústrias se aproximam e interagem com seus consumidores. Muitos desses negócios acabaram criando canais de relacionamento direto com seus clientes, passando de uma atuação focada exclusivamente no mercado B2B para o B2C.

Esse novo contexto de atuação, impulsionado pela necessidade de novas formas de receitas em período pandêmico, acabou se estabelecendo e agora a inovação é quem dita muitas tomadas de decisões na indústria quando o assunto é a venda direta.

Uma dessas inovações é a entrega monitorada, permitindo um relacionamento direto e contínuo com o cliente. A possibilidade de enviar links de rastreamento e mensagens de alerta para recebimento de mercadoria tem se tornado uma ferramenta vital para empresas e consumidores. Para a indústria, essa funcionalidade não apenas otimiza o processo de entrega, mas também reduz significativamente as devoluções e, consequentemente, os custos associados. Para o consumidor, a sensação de estar informado sobre o status e a localização de sua compra aumenta a confiança e a satisfação em relação à marca.

Antes, a espera por um produto, para o consumidor era como um jogo de adivinhação. Agora, com as notificações e o rastreamento em tempo real, o consumidor tem a sensação de controle do processo após a compra efetuada – algo muito real para o gestor, que não só pode verificar cada etapa da distribuição, como informar o consumidor, inclusive alertando qualquer tipo de atraso ou imprevisto.

É preciso destacar ainda que a automação é um caminho crucial para a atuação omnichannel da indústria. Pesquisas como a da NeoAssist, por exemplo, apontam que 77% dos consumidores querem uma relação unificada com uma marca, mesmo utilizando diferentes meios de comunicação. Se ele compra pelo smartphone, deseja que sua jornada siga também na comunicação em mídias sociais ou no e-mail, nas etapas seguintes à finalização do pedido, durante a entrega e a conclusão desta etapa. Para isso, a indústria vem se transformando, através de ferramentas multiplataformas e multicanais, que proporcionam essa unificação tão desejada pelo cliente. 

O setor de e-commerce e a indústria, de modo geral, têm uma oportunidade incrível nas mãos. Ao aproveitar a tecnologia para se aproximar do consumidor, as empresas não só se adaptam às demandas modernas, mas também pavimentam o caminho para um futuro de relações mais transparentes.

Share This Post

Post Comment