A importância das pessoas no processo de transformação digital nas empresas

A importância das pessoas no processo de transformação digital nas empresas

Por Mauricio Vieira Araujo, diretor de Operações e Alianças da Unentel Distribuição

Quando o assunto é Transformação Digital, muito se fala sobre o investimento em novas tecnologias para inovar e automatizar processos. Contudo, o que muitos esquecem de levar em consideração é que não existe transformação digital bem-sucedida sem o investimento na equipe. A inovação depende de pessoas engajadas e comprometidas com o desenvolvimento de novas soluções.

Um exemplo prático e bastante comum nas empresas brasileiras é a implementação de sistemas de gestão - ou, ERPs. É certo que a escolha do software e a instalação são passos importantes, mas o sucesso da mudança depende prioritariamente do passo seguinte: o trabalho de conscientização dos colaboradores. Muito mais do que apresentar a solução, a equipe precisa entender como será possível melhorar os indicadores, impulsionar resultados e otimizar as funções práticas do dia a dia.

De acordo com pesquisa realizada pelo McKinsey GIobal Institute, 1 a cada 16 funcionários devem mudar de função até 2030 para atender à demanda crescente por digitalização. Ou seja, o estudo aponta dois pilares para qualquer mercado nos próximos anos: 1) a tecnologia vai transformar os processos das empresas; 2) as pessoas fazem parte desta mudança e necessitam de investimento.

Este movimento que coloca as pessoas à frente do processo de transformação digital já mobiliza grandes atores globais. A Coca-Cola, por exemplo, desenvolveu uma academia digital para capacitar gerentes e líderes de equipe em habilidades digitais. A iniciativa prepara a equipe para o que está por vir e evita um problema comum nas organizações em processo de modernização, a desconfiança dos colaboradores em relação à tecnologia.

A digitalização das empresas não é algo novo, mas definitivamente é um processo que foi acelerado pela pandemia - que limitou o espaço físico e ampliou o digital, todavia, resumir este movimento à produtos é um engano que, inclusive, pode enfraquecer o potencial que a inovação agrega às companhias. Transformação digital é sobre pessoas e não acontece sem humanização, engajamento e preparação.

Share This Post

Post Comment