* Vicente Troiano - Diretor de Assuntos Institucionais da ABGD

Por mais que tentemos controlar riscos nos negócios, a imprevisibilidade é um fato da vida empresarial. Independentemente de qual seja o tipo ou o tamanho de uma empresa, nunca se sabe quando as suas operações podem ser ameaçadas por um incidente como incêndio ou desastres naturais.vicente troiano

Para minimizar os impactos destes incidentes, um plano de contingência empresarial , também chamado de plano de continuidade de negócios, é a forma pela qual as organizações podem se resguardar.

Para um obter um bom plano de contingência , o primeiro passo é considerar que a organização enfrenta ameaças concretas que possam comprometer a sua prosperidade - ou a sua sobrevivência.

A definição e classificação das ameaças prováveis ​​para a empresa, considerando a natureza do negócio e seu ambiente físico / social é essencial para a eficácia  do plano, pois evidencia os tipos de ameaças que a companhia pode enfrentar ; auxiliando a elaboração de medidas práticas para a recuperação rápida dos pontos vitais da operação, como sistemas e documentos, e assim evitando paralisações prolongadas.

O Gerenciamento Eletrônico de Documentos (GED), tem se tornado um dos itens fundamentais para o plano de contingência, pois reduz o percentual de perda de documentos possibilitando sua recuperação em segundos, já que consiste em digitalizar e armazenar os documentos em um ou mais servidores em locais distintos.

Pode ser muito complexo para as organizações se proteger contra todas as contingências , mas com as tecnologias certas , as expectativas de nível de serviço claras , políticas de recuperação de práticas , os planos de contingência completos podem minimizar as consequências nos negócios quando o inesperado acontece .