Área de Tecnologia da Informação reúne algumas das carreiras mais procuradas na atualidade

Área de Tecnologia da Informação reúne algumas das carreiras mais procuradas na atualidade

O Dia do Profissional de Informática -- ou Dia do Profissional de TI -- homenageou, no último 19 de outubro, os trabalhadores que atuam na área de Tecnologia da Informação, sejam eles programadores, desenvolvedores, gestores de redes, analistas, líderes de projeto, arquitetos ou engenheiros de software, bem como suas equipes de apoio.

O reconhecimento desses profissionais foi se construindo à medida que o impacto do avanço tecnológico passou a ser percebido em inúmeros processos da vida cotidiana, que só puderam ser otimizados, ou até mesmo automatizados, com o auxílio dos especialistas em TI. Não à toa, a carreira em TI nunca esteve tão em evidência quanto nos dias atuais.

“A carreira na área de TI é relevante e promissora, uma vez que o setor de tecnologia é essencial para a indústria e caminha contra o fluxo da crise, empregando cada vez mais profissionais e crescendo exponencialmente. Nos últimos anos, o segmento tem sido impulsionado pela transformação digital que se acelerou ainda mais com a pandemia. Isso explica, em parte, por que o setor tem alta demanda e falta de mão de obra no país”, afirma Sofia Páez, Gerente de Marketing da Mercusys, uma das principais fabricantes mundiais de dispositivos de rede

Um estudo recente publicado pela Softex, organização social voltada ao estímulo do setor tecnológico, apontou que, até o fim de 2022, o Brasil terá um déficit de cerca de 408 mil profissionais da área. A carência de mão de obra especializada no país é o principal fator que leva à existência de mais vagas do que profissionais aptos a ocupá-las.

De acordo com um levantamento da Cortex, plataforma de inteligência de vendas B2B, após a análise de 722 mil oportunidades de emprego abertas, em julho de 2022, constatou-se que mais de 100 mil vagas eram voltadas às 25 profissões de tecnologia mais buscadas pelos empregadores à época, incluindo: engenheiro de software, engenheiro de dados, cientista de dados, gestor de projetos, desenvolvedor de banco de dados, consultor de TI, administrador de sistemas e especialista em segurança da informação.

Os dados acima endossam que, com o cenário pandêmico dos últimos anos, o mercado de trabalho tem se reinventado, a fim de se a adequar a uma nova realidade. Com a adaptação de diversos escritórios ao trabalho remoto, a área de tecnologia ganhou tração no país e nunca foi tão requisitada. Com isso, a oferta de empregos em TI teve um aumento significativo, tendo em vista sua importância estratégia.

“Em meio a esse cenário de crescimento na procura por trabalhadores de TI qualificados, fica ainda mais evidente sua relevância para o mercado, já que são eles os principais responsáveis pela introdução de novas tecnologias capazes de otimizar e simplificar a experiência de clientes dos mais diversos setores. Logo, no dia 19 de outubro, celebramos esses profissionais, tendo em mente não apenas sua capacidade de solucionar os principais problemas encontrados em softwares e hardwares, mas, em especial, sua constante busca pela otimização dos mais diversos processos presentes em nosso cotidiano”, finaliza a executiva da Mercusys.

Share This Post

Post Comment