KPMG oferece ferramenta gratuita de diagnóstico sobre nível de maturidade das empresas

KPMG oferece ferramenta gratuita de diagnóstico sobre nível de maturidade das empresas

A KPMG está disponibilizando às pequenas e médias empresas, startups e organizações familiares uma ferramenta inédita que vai permitir que seja feito um diagnóstico gratuito sobre o nível de maturidade em que elas se encontram. Esse levantamento da situação da organização poderá ser feito a partir do preenchimento de um questionário. Nesse processo, o empreendedor vai apresentar as principais informações sobre o negócio relacionados a questões como governança, segurança cibernética, compliance, riscos e práticas ESG (sigla em inglês para meio ambiente, social e governança).

O resultado da avaliação é uma visão geral sobre o nível de maturidade de sua empresa, comparado também com a pontuação média de outras empresas que fizeram o diagnóstico. A partir disso, ele terá uma visão clara do que pode ser melhorado, conseguirá identificar os gargalos a serem trabalhados e as principais áreas que precisam modernizar a gestão.

“Para quem empreende, ter um diagnóstico e um mapeamento sobre em que momento o negócio se encontra, facilitar muito a definir um direcionamento sobre onde investir e o que priorizar”, analisa sócio líder de Private Enterprise para KPMG no Brasil e América do Sul, Jubran Coelho.

A iniciativa está inserida na plataforma de comércio eletrônico da KPMG chamada “KPMG Private Enterprise Beyond”. Nela, os empreendedores encontrarão opções de soluções em modelo de assinatura e treinamentos da KPMG Business School. A plataforma que será lançada em novembro oferecerá soluções para empresas não auditadas pela KPMG, de diferentes portes, setores e regiões.

“O objetivo é democratizar o acesso aos serviços da KPMG e chegar onde não conseguíamos chegar antes, ajudando empresas de todos os tamanhos a digitalizarem processos, aumentarem eficiência e crescerem de forma sustentável”, destaca sócia-diretora da KPMG Private Enterprise, Carolina de Oliveira.

Share This Post

Post Comment